Aeroporto de Porto Alegre retomará embarque e desembarque



O Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre (RS), vai retomar o procedimento de embarque e desembarque de passageiros na primeira quinzena de julho, informou o Ministério de Portos e Aeroportos nesta sexta-feira (21).

Segundo a pasta, a operação contempla a utilização de parte do terminal de passageiros que não foi impactada pelas enchentes no Rio Grande do Sul, que forçaram a suspensão das operações no local.

“Os voos continuarão sendo realizados no aeródromo militar (de Canoas) até que a pista de pouso e decolagem do Salgado Filho seja liberada. Os serviços de check-in, embarque e desembarque, que atualmente estão sendo efetuados no terminal ParkShopping Canoas, migrarão para o aeroporto da capital gaúcha”, diz a nota.

A base aérea militar de Canoas, um dos 9 aeródromos escolhidos pelo governo para absorver parte da malha aérea operada no aeroporto Salgado Filho, também terá suas operações aéreas ampliadas nos próximos dias, de acordo com o ministério.

“O aeródromo militar passará de 5 para 7 voos diários, tornando um aumento de 70 para 98 movimentos semanais, entre pousos e decolagens, com complemento de voos entre 17h35 e 21h”, afirmou o ministério.

A Base Aérea de Canoas, na região metropolitana de Porto Alegre, foi aberta em 22 de maio para o tráfego aéreo comercial.

O aeroporto de Porto Alegre permanece fechado por tempo indeterminado. A CEO da Fraport Brasil, concessionária responsável pelo aeroporto, Andreea Pal, disse no início deste mês que “torce” para que o aeroporto esteja disponível para o final do ano, segundo comunicado da concessionária.

A executiva chegou a sugerir, durante visita de parlamentares gaúchos ao aeroporto, a possibilidade de devolução da concessão do Salgado Filho, caso o governo federal não apoiasse a companhia com recursos.

Na semana passada, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou a suspensão por 12 meses de pagamentos de empréstimo de 1,25 bilhão de reais tomado pelo aeroporto, que é administrado pela divisão brasileira da alemã Fraport.



Source link