Ambientalistas vandalizam mais três obras de arte


Ambientalistas fizeram três ataques a obras de artes na sexta-feira 18, seguindo uma série iniciada há meses por um grupo que se chama Last Generation (Última Geração), para protestar contra as mudanças climáticas. As ações ocorreram em Milão, Paris e Oslo, a capital da Noruega.

A primeira das três ações do grupo foi cobrir com farinha um carro pintado por Andy Warhol, em exibição numa exposição em Milão, Itália. Os ativistas jogaram cerca de oito quilos de farinha sobre o veículo. Alguns, se colaram às ​​janelas do carro. “Não haverá mais comida nem água, há um colapso ecológico em curso!”, gritou um deles antes que pudesse ser controlado pelos guardas da sala.

Vários foram arrastados para fora do local, como pode ser conferido no vídeo que viralizou nas redes sociais.

Horas depois, em Paris, outro grupo de jovens militantes do mesmo movimento, pintou de laranja uma escultura de Charles Ray, Horse and Rider, localizada no espaço público da Bolsa de Valores de Paris, que abriga a coleção do bilionário François Pinault.

O terceiro ato de vandalismo na sexta-feira foi na capital norueguesa: esculturas do Vigeland em Oslo foram atacadas, também com tinta laranja.

A lista de ataques dos ambientalista é extensa, incluindo obras de Klimt, Monet, Van Gogh, Goya.





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *