Atirador mata 2 pessoas em hospital universitário na Holanda


Um atirador matou pelo menos duas pessoas, depois de abrir fogo dentro de um hospital universitário em Rotterdam, segunda maior cidade da Holanda. De acordo com autoridades locais, o criminoso é estudante da instituição.

A polícia e as equipes de atendimento seguem buscando sobreviventes e auxiliando no resgate de feridos. Vídeos postados nas redes sociais mostraram a polícia instruindo os estudantes a sair correndo, enquanto agentes fortemente armados entravam no hospital.

As vítimas são um professor, de 42 anos, e uma mulher, de 39 anos, cuja filha, de 14, também foi baleada e está gravemente ferida, segundo a Folha de S.Paulo.

O criminoso conseguiu fugir, mas foi encontrado e preso pela polícia cerca de duas horas depois de cometer o crime, na Universidade Erasmus de Rotterdam.

Uma das gravações mostrou um homem algemado, vestindo o que pareciam ser calças camufladas. Pelo Twitter/X, a polícia pede que testemunhas cooperem com a investigação.

Quem é o atirador que abriu fogo num hospital universitário na Holanda

O atirador começou a disparar quando estava dentro de uma casa. Ele saiu na rua e seguiu atirando até entrar em um centro médico.

O criminoso era aluno da universidade em que realizou o ataque. A polícia segue investigando as possíveis causas do crime. 

Segundo a agência de notícias holandesa ANP, também houve um incêndio na casa onde o criminoso estava. Rotterdam é a segunda maior cidade da Holanda, e o país tem vivido um aumento da violência nos últimos meses.

Leia mais: “Assassino de escola em Cambé é achado morto na prisão





Source link