Autoridades dos EUA decretam falência do Signature Bank – Notícias



O Departamento de Serviços Financeiros de Nova York tomou posse do Signature Bank e nomeou o FDIC (Federal Deposit Insurance Corporation), órgão responsável pela regulamentação dos depósitos bancários como receptor após a falência decretada.


Trata-se da segunda falência de banco com sede nos Estados Unidos em questão de dias. Na sexta-feira (10), o SVB (Silicon Valley Bank) registrou maior falência desde a crise de 2008 em volume de ativos. O Signature Bank tinha depósitos totalizando aproximadamente R$ 460,7 bilhões (US$ 88,59 bilhões) em 31 de dezembro, disse o departamento em um comunicado.


O Departamento do Tesouro dos EUA, juntamente com outros reguladores bancários, disse em um comunicado conjunto neste domingo (12) que todos os depositantes dos bancos serão recuperados e que “nenhuma perda será suportada pelo contribuinte”.



No comunicado conjunto, o Banco Central dos Estados Unidos, o  Departamento do Tesouro e o FDIC (Federal Deposit Insurance Corporation) informaram que as ações buscam “proteger a economia dos EUA” e fortalecer o setor bancário.


De acordo com a nota, a ideia é assegurar que os bancos desempenhem o papel de salvaguardar os depósitos e proporcionar o acesso ao crédito para famílias e empresas, com objetivo de promover um crescimento econômico “forte e sustentável”.


“Nenhuma perda associada à resolução do Silicon Valley Bank será sustentada pelo contribuinte”, garantiram os órgãos americanos.


O Signature Bank não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.



Source link