CEO de empresa britânica é eleito ‘pior chefe do mundo’


O empresário Peter Hebblethwaite, CEO da empresa de transportadora P&O Ferries, foi eleito “pior chefe do mundo” durante congresso da Confederação Sindical Internacional (CSI), realizado nesta segunda-feira, 21. 

Em votação popular on-line, Peter Hebblethwaite obteve 38% dos 3.711 votos registrados. Em março, o chefe da transportadora demitiu cerca de 800 funcionários e contratou novos empregados com pagamentos abaixo do salário mínimo britânico.

Em sua defesa, o chefe da P&O justificou as demissões em massa porque o modelo da empresa não era sustentável e que estava perdendo £ 100 milhões (aproximadamente R$ 635 milhões por ano).

Além de Hebblethwaite, o fundador da Amazon, Jeff Bezos, também entrou para o ranking de piores chefes do mundo. O empresário ficou em segundo lugar, com 25% dos votos dos internautas. Em seguida, Alan Joyce, dono da companhia aérea australiana Qantas, ocupou a terceira posição, com 20% dos votos.

Peter Hebblethwaite
Peter Hebblethwaite | Foto: Reprodução/ Redes sociais

“Os seis finalistas de 2022 administram empresas com modelos de negócios que exploram os funcionários por meio de salários baixos e empregos incertos”, afirmou a CSI, em um comunicado. Segundo a confederação, os empresários usaram a crise da pandemia de covid-19 para aumentar os lucros, em vez de assumir a responsabilidade por seus empregados.





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *