Destaques da semana: pagamento do novo Bolsa Família e retorno do Mais Médicos – Notícias



O primeiro pagamento aos beneficiários do novo Bolsa Família será realizado nesta segunda-feira (20). O principal programa de transferência de renda do governo federal foi relançado no último dia 2 pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). O auxílio será pago a famílias com renda de até R$ 218 por pessoa.


Os beneficiários receberão um valor mínimo de R$ 600, com um adicional de R$ 150 por criança de até 6 anos. Também será pago outro complemento por família, de R$ 50, para cada dependente entre 7 e 18 anos e para gestantes.


Cerca de 55 milhões de brasileiros recebem o Bolsa Família, de acordo com o ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias. Em entrevista à Record TV, ele disse que o governo realizou um pente-fino no programa e identificou, ao menos, 2,5 milhões de beneficiários inscritos indevidamente.



Na cerimônia de relançamento do programa, no Palácio do Planalto, em Brasília, Lula cobrou fiscalização. “Se tiver alguém que não mereça, esse alguém não vai receber. O programa é só para as pessoas que estão em condição de pobreza”, afirmou.


Também presente no evento, a presidente da Caixa Econômica Federal, Rita Serrano, afirmou que o banco público está preparado para operar o novo Bolsa Família a partir desta segunda.


Mais Médicos


Também nesta segunda, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e a ministra da Saúde, Nísia Trindade, anunciam a retomada do programa Mais Médicos, que tinha sido extinto em 2019.


Segundo o governo federal, a iniciativa vai ampliar o acesso ao atendimento médico no país, principalmente nas regiões de extrema pobreza. O ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta, informou que o novo formato do programa dará prioridade a médicos brasileiros.



Ministro do Trabalho e Emprego no RS




O ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, vai visitar nesta segunda o local onde 207 trabalhadores eram mantidos em situação análoga à da escravidão, em Bento Gonçalves (RS). O grupo foi identificado no mês passado por meio de uma fiscalização da pasta.



No mesmo dia, o ministro terá outros compromissos — divididos entre as cidades de Bento Gonçalves, Caxias do Sul e Porto Alegre —, como se reunir com vinicultores e representantes dos sindicatos patronais e participar de um almoço com trabalhadores na sede do Sindicato dos Metalúrgicos.


Nesta terça-feira (21), está na programação de Luiz Marinho se reunir com o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), no Palácio Piratini.


Flávio Dino no Rio Grande do Norte


Nesta segunda (20), o ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, vai ao Rio Grande do Norte para acompanhar o trabalho da Força Nacional no enfrentamento dos atentados criminosos que ocorrem em diversas cidades do estado desde a semana passada.


“Continuaremos dando todo o apoio para retomar a paz e proteger a democracia no Rio Grande do Norte”, disse o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).


No sábado (18), Dino determinou o envio de mais cem policiais ao estado. Segundo o ministro, eles se juntam aos mais de 500 agentes da Força Nacional e de forças federais que ajudam o governo.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *