DF tem 30% das mortes por dengue no Brasil; capital registra 79,3 mil casos – Notícias

[ad_1]


O Distrito Federal registra 35 das 113 mortes causadas por dengue no Brasil em 2024; outras 69 mortes estão sob investigação no país. Segundo Ministério da Saúde, a capital federal concentra 79.287 casos prováveis da doença, o que representa 12% dos registros do país e a maior taxa de incidência, com 2.814 casos por 100 mil habitantes. As principais vítimas no DF são mulheres e pessoas da faixa etária de 30 a 39 anos, seguidos por pessoas de 50 a 59 anos e de 40 a 49 anos.



Segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Saúde na última quarta-feira (14), Ceilândia é a região com mais números prováveis de dengue no DF, seguida por Taguatinga. Brazlândia segue como a região com maior incidência de casos por 100 mil habitantes, seguida por Sol Nascente/Pôr do Sol e Estrutural.


Em toda o DF, apenas o Sudoeste/Octogonal e Park Way têm uma taxa de incidência considerada baixa, o que significa menos de 100 casos para cada 100 mil habitantes. Arniqueira, Jardim Botânico, Lago Sul e Águas Claras têm incidência média – entre 100 e 299,9 casos. Todas as demais regiões registram incidência alta.


Vacinação no DF


Depois de receber menos doses da vacina contra a dengue do que o esperado, em 8 de fevereiro, o Distrito Federal limitou a imunização para crianças de 10 e 11 anos. A previsão inicial era vacinar a faixa etária de 10 a 14 anos.


Nos primeiros três dias de vacinação, 7 mil doses foram aplicadas, sendo 3.633 doses apenas no primeiro dia. A estimativa é de que 1,5 milhão de crianças dessa faixa etária recebam a vacina em todo o país. Entre o início da campanha, dia 9, até o última sábado (17), 18.561 crianças receberam o imunizante no DF.

[ad_2]

Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *