Ditador da Venezuela, Nicolás Maduro defende moeda latino-americana e caribenha – Notícias

[ad_1]


O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, se posicionou a favor da criação de uma moeda única para os países da América Latina e do Caribe. 


O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, e o presidente da Argentina, Alberto Fernández, publicaram, no sábado (21), no site argentino Perfilum artigo no qual citaram o início de conversas para adoção de uma moeda comum sul-americana para transações comerciais.


Em uma publicação em seu perfil oficial no Twitter, o líder venezuelano afirmou que seu país está preparado para essa mudança e que apoia a iniciativa.


O novo dinheiro seria uma alternativa para Cuba e Venezuela driblarem as sanções econômicas que sofrem de diversos países, como os Estados Unidos.


A moeda também seria uma forma de tentar impulsionar a economia argentina que hoje tem uma baixa reserva em dólares.


A cúpula da Celac (Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos) reúne representantes dos 32 países-membros em Buenos Aires.


Os ditadores Maduro e Daniel Ortega, da Nicarágua, não vão participar do encontro. Ortega estaria até mesmo com medo de ser preso por ter uma denúncia na Justiça argentina por violação dos direitos humanos.

[ad_2]

Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *