Fundo de private equity adquire 90% do Coritiba


Cerca de R$ 100 milhões serão usados para a construção de um centro de treinamento e R$ 450 milhões para investimento no time

A Treecorp anunciou nesta terça-feira (9) a compra de 90% do Coritiba. A assinatura do contrato marca o primeiro investimento de um fundo de private equity brasileiro em SAF, o modelo de privatização dos times de futebol. A Treecorp tem sede em São Paulo. A empresa é comandada por três sócios-diretores: Filipe Lomonaco, Bruno D’Ancona e Danilo Soares. O empresário Roberto Justus também participa de seu conselho consultivo como sócio minoritário.

A Treecorp investirá R$ 550 milhões em uma década. Cerca de R$ 100 milhões serão usados para a construção de um centro de treinamento e R$ 450 milhões para investimento no time. O fundo ainda cogita um aporte adicional de R$ 500 milhões para a reforma do Couto Pereira. A Treecop também se comprometeu a pagar a dívida do Coxa, que soma R$ 250 milhões. Por essa conta é que envolvidos na operação deram ao clube um enterprise value (a soma ações e dívida) de R$ 1,3 bilhão.

O Coritiba anunciou a assinatura do contrato em um vídeo publicado em suas redes sociais. No vídeo, chamado de “Um novo passo na revolução”, o clube afirma que a operação foi aprovada por mais de 95% dos sócios, mas que ainda depende do aval do conselho deliberativo, da assembleia de sócios e do juízo da recuperação judicial. “O controle da SAF [Sociedade Anônima do Futebol] por um investidor profissional consolida o processo de profissionalização do futebol do Coritiba”, destaca o vídeo.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *