Mississippi se prepara para novas tempestades após tornados que deixaram 25 mortos – Notícias



O estado do Mississippi, no sul dos Estados Unidos, se prepara neste domingo (26) para novas tempestades, depois de vários tornados terem devastado a região e deixado pelo menos 25 mortos. 


“Isto é uma tragédia”, tuitou o governador Tate Reeves, falando sobre os “danos devastadores” causados na noite de sexta-feira por tornados que atingiram mais de 150 km de oeste a leste do estado do Mississippi. 


O saldo é de 25 mortos e dezenas de feridos, segundo os serviços de emergência do estado (MSEMA). Quatro pessoas que haviam sido dadas como desaparecidas foram encontradas, acrescentou a agência. 


As equipes de resgate continuam as buscas pelas vítimas. 


O presidente Joe Biden ordenou neste domingo a implantação de ajuda federal ao estado, destinada a doações para moradias temporárias, reparos de casas e empréstimos a taxas reduzidas para cobrir a perda de propriedades não seguradas. 


Em comunicado anterior, o presidente disse ter visto imagens “de partir o coração” e destacou que seu governo fará “todo o possível para ajudar” enquanto “for necessário”.


Há previsões de condições meteorológicas terríveis para este domingo na região, com ventos fortes e granizo. A agência de gestão de emergências advertiu que “a possibilidade de tornados não pode ser excluída”. 


Em Rolling Fork, uma cidade de cerca de 2.000 habitantes no oeste do estado do Mississippi, havia fileiras de casas derrubadas, ruas cheias de escombros e carros capotados. Havia também árvores espalhadas pelo chão. 


Cerca de 4.800 moradores ficaram sem energia no Mississippi e quase 11 mil casas e empresas permaneceram escuras no vizinho Alabama, de acordo com o site poweroutage.us.



“Quase tudo foi destruído” na cidade, disse à AFP Patricia Perkins, uma moradora de 61 anos. “A maioria das lojas foi arrasada” pelo tornado, explicou essa funcionária de uma loja de ferragens. 


Aaron Rigsby, um “pesquisador de tornados”, explicou que chegou ao local na noite de sexta-feira e ouviu “gritos de pessoas presas nos escombros, pedindo ajuda”. 


“Havia uma senhora que não conseguiu se abrigar a tempo e ficou presa; o telhado de sua casa caiu sobre ela”, disse à AFP por telefone. “Consegui libertá-la dos escombros.” Ela ficou ferida numa perna, acrescentou. 


Várias vítimas foram localizadas e retiradas dos escombros para ser levadas ao hospital, disse o prefeito de Rolling Fork, Eldridge Walker, à CNN. “Minha cidade desapareceu”, lamentou. “Casas que foram demolidas podem ser substituídas, mas você não pode substituir uma vida.” 


De acordo com a emissora de TV ABC, pelo menos 13 pessoas morreram no condado de Sharkey, outras três no condado de Carroll e duas em Monroe. 


Um policial de Silver City relatou à ABC a morte de uma pessoa nessa cidade, uma das mais afetadas. 


No Alabama, as tempestades também foram violentas e um homem morreu quando seu trailer capotou, anunciaram as autoridades do condado de Morgan. 


“Nossa principal prioridade agora, especialmente para os socorristas locais, é manter as pessoas vivas e localizá-las para garantir que estejam seguras”, disse Malory White, porta-voz dos serviços de emergência da MSEMA, à WJTV. 


Tornados, um fenômeno meteorológico tão impressionante quanto difícil de prever, são comuns nos Estados Unidos, especialmente no centro e no sul do país. 


Em dezembro de 2021, cerca de 80 pessoas morreram após a passagem de tornados no estado de Kentucky.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *