São Paulo registra maior temperatura para setembro desde 1943


A cidade de São Paulo (SP) registrou, neste domingo, 24, a maior temperatura para um mês de setembro desde 1943, além da maior deste ano. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou 36,5ºC às 15 horas no Mirante de Santana, onde é medida a temperatura oficial da cidade.

O Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas (CGE) da Prefeitura de São Paulo também informou que esta tarde “já apresenta novo recorde temperatura máxima” em SP.

+ Alerta vermelho: onda de calor é ‘grande perigo’ para 11 Estados mais o DF

O calor ainda foi recorde do ano em outras três capitais: Rio de Janeiro (39,9°C), Belo Horizonte (37,1ºC) e Curitiba (33,1ºC). Capital de Mato Grosso, Cuiabá registrou a temperatura mais alta com 40,1ºC.

O Inmet registrou ainda 39° em Teresina (PI); 38,6ºC em Palmas (TO); 38,5 ºC em Goiânia 38,5 ºC (GO); e 36ºC em Belém (PA). Na capital paulista, conforme o Inmet, a temperatura diminuiu apenas às 16 horas, quando foi registrado 36°C.

Quinta maior temperatura da cidade de São Paulo

calor sp2
Pessoas tomando sol no parque Augusta, em São Paulo | Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

SP registrou sua temperatura mais alta em outubro de 2014, com 37,8°C. Depois, o mês mais quente foi janeiro de 1999, um calor de 37°C. A última vez que a cidade teve calor de 36,5°C foi em janeiro de 2015.

+ Onda de calor: São Paulo pode ter temperatura recorde no fim de semana

Neste sábado, a primavera começou, sendo uma estação de transição do inverno para o verão.

Segundo o CGE, o calor e o tempo seco devem continuar até a quinta-feira 28, quando devem começar pancadas de chuvas isoladas na capital paulista.



Source link