Tech Road buscará investidores em Portugal


O encontro debateu detalhes sobre o modelo de governança a ser adotado, de modo a perpetuar a iniciativa de forma independente

Representantes da Tech Road estiveram reunidos, na segunda-feira (17), na Conexo, em Caxias do Sul, para alinhamento das ações a serem realizadas ainda neste ano e na construção do plano de trabalho para 2023. Iniciada em maio, a parceria reúne Porto Alegre, Caxias do Sul, Florianópolis, Joinville e Curitiba em uma rede de apoio para a captação de investimentos e fortalecimento do ecossistema de inovação da região Sul do país.

De acordo com Élvio Gianni, secretário do desenvolvimento econômico de Caxias do Sul, o encontro debateu detalhes sobre o modelo de governança a ser adotado, de modo a perpetuar a iniciativa de forma independente. O Tech Road terá o apoio do Sebrae. “Também traçamos um plano de trabalho identificando quais os eventos nacionais e internacionais que estaremos e a forma de inclusão de outras prefeituras, além da entrega oficial do site”, contou ao Portal AMANHÃ. Segundo Élvio, vários municípios já solicitaram o interesse de se juntar à causa, porém a Tech Road ainda está se estruturando para poder convidar oficialmente essas prefeituras.

“Não traremos todos os interessados nesse primeiro momento, pois precisa uma certa compreensão mais ampla e também um nível de maturidade maior dos próprios munícipios. Mas o que temos feito é reunir algumas cidades quando fazemos encontros entre as cinco parcerias iniciais da Tech Road. Fizemos isso na segunda à noite onde agrupamos representantes de Bento Gonçalves, Flores da Cunha e Farroupilha, além de empresários, pois compreendemos que temos de crescer juntos. Mesmo que cada um desses cinco munícipios faça parte de um polo principal, como Caxias do Sul, temos de trazer a região como um todo para seguir na lógica da abundância que, quando a maré sobe, sobe para todo mundo”, compara.

Os integrantes da Tech Road também definiram que terão um estande no Web Summit Lisboa, o maior evento de inovação da Europa, marcado para o período de 1º a 4 de novembro na capital portuguesa. “O objetivo é atrairmos investidores para o Sul, pois fundos costumam não passar de São Paulo, pois concentram seus investimentos no centro do país”, reflete Élvio. Para ele, o fato de os cinco municípios terem se unido dá outra envergadura para a atração de recursos. Porto Alegre, Caxias do Sul, Florianópolis, Joinville e Curitiba, somadas, possuem 40 parques tecnológicos e centros de inovação, aproximadamente uma centena de universidades, além de uma população total de mais de 5 milhões de habitantes. Outra vantagem do consórcio entre as cidades é ter a oportunidade de poder trocar experiências em diversos campos da área pública. “Uma cidade pode contribuir com outra, pois elas têm as mesmas demandas, mas com graus de dificuldades diferentes”, preconiza Élvio.

Além do secretário do desenvolvimento econômico de Caxias do Sul, o encontro de segunda reuniu a diretora de Inovação, Raissa Camps, e a gerente de inovação da pasta, Mariana Ferreira Luchi. O secretário de inovação, Luiz Carlos Pinto, o diretor de relações internacionais, Ricardo Sondermann, e a assessora jurídica Sabrina Xavier, representaram a prefeitura de Porto Alegre. De Joinville, estiveram o secretário de desenvolvimento econômico e inovação, Fernando Bade, e o gerente de desenvolvimento econômico, Victor Batista. Também participaram o coordenador da Agência de Inovação de Curitiba, Marlon Cardoso; o vice-presidente das Empresas Randon, Daniel Ely; e o head da Conexo, Leo Redondo.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *