Volta a ser obrigatório no transporte e nas áreas da saúde em Belo Horizonte


A partir de sexta-feira (19), a cidade de Belo Horizonte volta a exigir o uso de máscara como prevenção a covid-19. A obrigatoriedade vale para o transporte público e todos os estabelecimentos da área da saúde.


Coronavírus (Foto: Reprodução/BBC News Brasil) 


No setor de transporte a obrigatoriedade abrange ônibus, transportes escolares, vans, aplicativos de viagens e táxis.

Em entrevista coletiva nesta quinta (17), a secretária municipal de saúde Cláudia Navarro enfatizou também que o uso de máscara é orientado em outros espaços fechados, pelo fato de que há pessoas que ainda não estão imunizadas ou por haver comorbidades.  

 

“Nas últimas semanas, a Secretaria Municipal de Saúde observou um aumento de 3% para 15% da positividade dos testes para detecção de Covid-19 realizados nas unidades próprias do município. Nesse período, não tivemos, no entanto, aumento do número de óbitos ou internações em UTIs causados pela doença. Para que Belo Horizonte não volte a registrar esse quadro, estamos anunciando a volta do uso obrigatório das máscaras”, explicou a secretária de Saúde.

 

Claúdia, também declarou que nesse mesmo tempo não teve aumento de mortes ou internações em UTIS.“ Para que nosso município não tenha aumento de casos e óbitos, estamos comunicando o retorno obrigatório da máscara”, afirmou a secretária.

De acordo com o Diário Oficial do Município, o decreto é válido até o dia 2 de dezembro. Vale ressaltar que a decisão engloba instalações públicas e privadas.

 

A secretaria municipal de saúde ressalta a importância da realização do teste, especialmente quem apresentar sintomas similares ao da doença, que são: coriza, garganta inflamada, febre e tosse.

Segundo o município é através das testagens que é realizado uma medição do nível de propagação e o possível surgimento de novas variantes do vírus.

É de suma importância, conforme decreto publicado, medidas de prevenção como o uso de máscara, a higienização correta das mãos e isolamento para pessoas possivelmente contaminadas.

 

Foto destaque: reprodução: Adão de Souza  





Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *